A UE e o mundo A UE no mundo

França – Afeganistão: Livres após 18 meses nas mãos dos talibans

30 junho 2011
Presseurop
Libération

Libération, 30 junho 2011

“Enfim livre”, titula o Libération, um dia depois de terem sido libertados os jornalistas franceses da cadeia de televisão publica France 3, Hervé Ghesquière e Stéphane Taponier, que estiveram reféns durante 547 dias, no Afeganistão. Apesar de se congratular com o acontecimento, o diário regressa à polémica e ao braço de ferro que, durante todo o tempo em que estiveram em cativeiro, opôs o grupo de apoio dos dois jornalista ao Eliseu: “Há que sobre mediatizar os reféns ou, como cada vez mais fazem os americanos, manter um silêncio absoluto?

Neste caso, ambos os métodos foram usados, sem que se possa medir a eficácia desta opção. Foi pago resgate? É difícil saber, mas se fosse esse o preço da liberdade?”, interroga-se igualmente o diário, que lembra as críticas da presidência da República que vão à procura de um ‘furo’ “a qualquer preço” e ao “custo muito considerável” que este caso teve. E o diário conclui: “Claro, assim vai o bom funcionamento da democracia”.